De volta às coisas simples

12/10/16

Depois  de conhecer a complexidade das ciências, explorar a natureza e transformar todos os recursos possíveis, estamos nos dando conta de que aquilo que realmente precisamos encontra-se logo ali, em sua forma pura, exatamente como Deus criou. 

Cada vez mais estamos buscando situações que nos remeta ao início de tudo, ao lado simples da vida, àquilo que é orgânico, natural, pois somos parte desta natureza, e acabamos sucumbindo isso em nossa forma apressada de viver, achando que precisamos de tantas coisas, quando na verdade só precisamos apreciar cada uma de nossas conquistas e ser feliz, pois a felicidade está muito mais relacionada àquilo a que somos gratos, do que àquilo que possuímos.



Esta imagem diz muito sobre isso: Observando toda esta riqueza, dá para perceber claramente que tempo é vida, e se queremos mais vida, ela só pode estar ali, onde o tempo passa bem mais devagar!

E, se já não podemos estar lá junto à toda essa natureza, que ao menos deixemos ela vir até nós, permitindo-nos conhecer, escolher e experimentar de suas riquezas, afinal tudo melhora quando escolhemos viver o melhor.

1 comentários:

Zelinda Rodrigues Kolossoski disse...

É verdade, a felicidade está nas pequenas coisas.Devemos apreciar cada momento, pois eles são únicos.

Postar um comentário